Maria Izabel Vinhas da Princesa 2014 Branco

 

vvbranco-copy
Vinho elaborado a partir das castas Rabigato, Códega, Donzelinho, Viosinho, Arinto
 
As caracteristicas deste vinho pauta-se por uma cor citrina, apresenta um aroma fino e subtil. Tem um forte carácter mineral, que lhe confere frescura, juntamente com notas de fruto de caroço, raspa de laranja confitada, aroma de pastelaria e fumo. De elevada estrutura na boca, é volumoso e apresentando -se mineral, a acidez natural torna o vinho fresco e elegante.
 
A Quinta Maria Izabel estende-se por 130 hectares numa das zonas mais privilegiadas da região Duriense. Um ímpeto transformado num grande projeto. Uma ideia que revela ser, afinal, mais que um sonho Brasileiro em terras lusas.
 

Website: www.quintamariaizabel.pt

Melhor Sommelier do Mundo vem a Lisboa

andreas-larsson-smo

Entre 28 de fevereiro e 4 de março de 2017, Andreas Larsson, o “Melhor Sommelier do Mundo” (2007, ASI) e o diretor vínico do conceituado restaurante PM & Vänner, em Växjö, na Suécia, vai visitar Portugal para uma prova cega e para avaliar alguns vinhos portugueses na sede da comissão da Vinha e do Vinho, em Lisboa.

Larsson é conhecido pelo seu palato exigente e pela sua paixão pelo vinho. O simpático escanção sueco tem um caráter descontraído, e é um profissional muito requisitado para provas e enquanto orador e educador nos ramos da gastronomia, vinho e outras bebidas.

Os principais objetivos desta iniciativa são aumentar a visibilidade dos vinhos portugueses no mercado, reforçar o posicionamento distinto dos vinhos portugueses entre os consumidores e dar-lhes a oportunidade de provar novos vinhos ou vinhos premium, e ainda aumentar as vendas e a distribuição dos vinhos portugueses.

Os produtores locais estão convidados a inscreverem-se a si e aos seus vinhos, quer para a avaliação e para a feira, ou somente para a avaliação.

 

Os vinhos portugueses no Top 100 da Wine Spectator

wine_portugal

A prestigiada revista norte-americana Wine Spectator destaca os vinhos de Portugal nas suas listas de “melhores do ano”. Os vinhos portugueses foram destacados entre milhares provados ao longo de todo o ano.

Quatro vinhos foram incluídos na lista Top 100, ou seja, na lista dos melhores vinhos publicada em dezembro de 2016. Outros quatro vinhos portugueses foram reconhecidos ao fazerem parte da mais recente lista Top 100 Values, o que equivale às melhores compras. Aqui a avaliação é feita comparando o preço com a qualidade.

“Dos 473 vinhos de Portugal provados, 43% foram classificados com 90 pontos ou mais, testemunho da crescente qualidade dos vinhos de mesa”, realça o editor da revista Mich Frank.

Quanto à lista do Top 100 Values a Wine Spectator explica “que os editores da Wine Spectator provam de forma cega, avaliando a qualidade sem qualquer conhecimento do preço. Adoram encontrar excelentes vinhos e ainda mais descobrir que esses vinhos são acessíveis. Uma das nossas principais tarefas é sugerir aos nossos leitores vinhos de alta qualidade a bons preços e destacamos estes vinhos de muitas maneiras ao longo do ano.”

Portugal consegue assim igualar-se à França, sendo ultrapassado apenas pela Áustria e Alemanha. Já na lista dos Top 100 Values, os vinhos nacionais conseguiram superar a Argentina, Chile e a Nova Zelândia.

Jorge Monteiro, presidente da ViniPortugal, considera que “é uma confirmação da consistência de qualidade dos vinhos portugueses e este reconhecimento é fundamental para que os profissionais, sejam importadores, distribuidores ou que os restaurantes, se mostrem cada vez mais abertos a incluírem nas suas listas os vinhos de Portugal. Apesar deste reconhecimento pela revista da especialidade o caminho junto dos decisores de compra não é fácil e é ainda longo”.

Fonte:BN